Com o ‘Manaus sem Fome’, prefeitura amplia em 330% a oferta de refeições gratuitas e inaugura novo Prato do Povo nesta terça-feira, 25/6

Fotos: Dhyeizo Lemos/Semcom e Valdo Leão/Semcom

Desde a implantação do programa “Manaus Sem Fome”, a Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), vem ampliando os serviços voltados para a segurança alimentar e nutricional no município.

Em 2020, a cidade contava apenas com seis cozinhas comunitárias e dois restaurantes populares que, juntos, distribuíam cerca de 48 mil refeições por mês.

Com a inauguração de sete unidades do Prato do Povo desde então, a gestão municipal, hoje, tem a capacidade de distribuir mais de 200 mil refeições gratuitas por mês, representando um aumento de 330%.

Esses números tendem a aumentar ainda mais, uma vez que a gestão municipal inaugura nesta terça-feira, 25/6, às 10h, a oitava unidade Prato do Povo, no bairro Santa Etelvina, zona Norte.

A iniciativa, fruto de emenda parlamentar do deputado federal Saullo Vianna, visa proporcionar alimentação saudável e acessível para a população.

Com a inauguração da nova unidade, o programa “Prato do Povo” amplia sua capacidade de atendimento, beneficiando um número ainda maior de pessoas em situação de vulnerabilidade. Além disso, a presença do programa em diferentes regiões da cidade facilita o acesso dos cidadãos aos serviços alimentares essenciais.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui