Na manhã desta quinta-feira (15/08), por volta das 13h, a equipe de investigação do 19° Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob o comando do delegado Aldeney Goes, titular da unidade policial, cumpriu mandado de prisão preventiva por homicídio tentado, em nome de Carlos Anderson Menezes Cavalcante, 25, conhecido como “Doido”. O crime ocorreu no dia 29 de maio deste ano, no bairro Lírio do Vale, zona oeste da capital.

Conforme a autoridade policial, no dia do delito, um carro ocupado por cinco pessoas, entrou na rua 20 de Janeiro, do bairro Lírio do Vale, onde os indivíduos, que estavam dentro do veículo, efetuaram vários disparos de arma de fogo contra a vítima, um jovem de 22 anos. Após tomar conhecimento sobre o caso, os policiais civis iniciaram as investigações e descobriram a participação de Carlos Anderson no crime.

“Imediatamente, foi solicitada a prisão temporária em nome das pessoas envolvidas, incluindo Carlos Anderson. Ele foi preso em julho deste ano, e seria liberado na manhã desta quinta-feira (15/08). Porém, com o andamento do Inquérito Policial (IP), conseguimos reunir elementos suficientes que comprovaram a participação dele no crime”, relatou Goes.

O titular do 19° DIP informou, ainda, que foi representada à Justiça pelo pedido de prisão preventiva em nome do indivíduo. A ordem judicial em nome dele foi expedida na manhã desta quinta-feira (15/08), pela juíza Ana Paula de Medeiros Braga, da 2ª Vara do Tribunal de Júri. “A ordem judicial foi cumprida no prédio da unidade policial no momento em que seria liberado”, relatou o delegado.

*Indiciamento –* Carlos Anderson foi indiciado por homicídio tentado. Ao término dos procedimentos cabíveis no 19° DIP, ele será levado para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), situado no quilômetro oito da rodovia federal BR-174, onde irá permanecer à disposição da Justiça.

*FOTO:* Divulgação/PC-AM

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here