Em nota, Prefeito de Rio Preto da Eva diz que não foi alvo da operação da polícia federal

Devido às notícias veiculadas por meios de comunicação no estado, o prefeito Anderson Sousa por intermédio de sua Assessoria de Comunicação, esclarece através desta nota dúvidas e especulações que vem ocorrendo devido a investigação da Polícia Federal que ocorreu nesta quinta-feira (08), no município de Rio Preto.

A Operação cujo nome “Ínvio”, que está sendo investigada pela Polícia Federal tem como objetivo apurar fraudes na contratação de empresas as quais realizaram obras de recuperação dos ramais do Incra, no qual tiveram início no ano de 2017 e estenderam-se até o ano de 2018, onde a Polícia Federal realizou a busca por arquivos relacionados as empresas que estavam realizando as obras e a Secretaria de Infraestrutura. Segundo a investigação, uma das empresas contratadas apresentou indícios de irregularidades.

O Prefeito Anderson Sousa esclarece ainda que não recebeu a visita da Polícia Federal, e que não foi alvo de busca e apreensão mas, devido a repercussão do caso, vem de público se colocar à disposição dos órgãos fiscalizadores para os devidos esclarecimentos, caso se faça necessário.

O prefeito informa também que fez um procedimento cirúrgico na última sexta-feira, dia 02, e por recomendações médicas está respeitando o período de recuperação, mantendo seu ritmo de trabalho por meio de dispositivos remotos.

O prefeito Anderson Sousa e a Prefeitura de Rio Preto da Eva, estão a inteira disposição para ajudar nas investigações.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here