Na sexta-feira de Carnaval, o Fluminense ficou sem folia. Em Moça Bonita, pela segunda rodada da Taça Rio, o Tricolor foi a campo nesta tarde e empatou em 1 a 1 com o Resende. Foi a segunda partida de Paulo Henrique Ganso pela equipe, e mais uma vez não apareceu muito para o jogo. Maxwell – artilheiro com sete gols – foi o autor do gol do Resende. Já Yony González igualou para o Flu, que ainda teve Everaldo expulso no segundo tempo, o que prejudicou uma reação pela vitória.

Com o resultado, o Fluminense chegou aos quatro pontos, na liderança do Grupo B. Já o Resende, no Grupo C, ficou com um ponto, na lanterna. Pelo segundo turno do Campeonato Carioca, o Tricolor volta a campo no dia 10 de março, diante da Cabofriense, no Maracanã. No mesmo dia, o Resende visitará o Americano. Antes, na quarta-feira, pela Copa do Brasil, o Flu receberá o Ypiranga.

RESENDE MELHOR
O Fluminense começou cadenciando o jogo, deixando espaços para o Resende atacar. E a melhor atuação desde o minuto inicial fez com que a equipe não demorasse para abrir o placar. Aos nove do primeiro tempo, Zambi puxou o contra-ataque, limpou, achou Maxwell que mandou para o gol – a bola chegou a desviar em Matheus Ferraz antes de estufar as redes. Resende 1 a 0. O Tricolor teve a chance de empatar apenas aos 42, mas a finalização de Matheus Ferraz parou no travessão.

FLUMINENSE ACORDA
Na volta para o segundo tempo, o Fluminense acordou. Com uma posse de bola superior a 70% no momento, o time comandado por Fernando Diniz passou a arriscar mais, além de impor o controle do jogo. O Tricolor acabou chegando ao gol de empate aos 24 minutos da etapa final, quando Daniel cobrou escanteio, Matheus Ferraz ajeitou para Yony González, que mandou com perfeição para o gol defendido por Ranule. Fluminense 1 a 1 e duelo indefinido até o término.

EXPULSÃO: BALDE DE ÁGUA FRIA
Depois de ter conseguido o empate, o Fluminense foi para cima tentando a virada. Entretanto, aos 29 minutos, um balde de água fria foi jogado nos torcedores do Tricolor: Everaldo recebeu o segundo cartão amarelo e acabou sendo expulso de maneira correta pelo árbitro Daniel de Sousa Macedo. Luciano e Yony González ainda tiveram chances em separado até os acréscimos, mas o que prevaleceu foi o empate em 1 a 1. No conjunto da obra, um resultado justo pelo desempenho de ambas as equipes.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 1 X 1 RESENDE

Estádio: Moça Bonita, no Rio de Janeiro (RJ)
Data/hora: 1/3/2019, às 16h (de Brasília)
Árbitro: Daniel de Sousa Macedo (RJ) – Nota LANCE!: 6,5 (aplicou bem o cartão vermelho)
Auxiliares: Daniel de Oliveira Alves Pereira (RJ) e Gabriel Conti Viana (RJ)
Público/renda: Indisponíveis
Cartões amarelos: Léo Santos, Everaldo, Luciano (FLU) e Joseph (RES)
Cartão vermelho: Everaldo 29’/2ºT (FLU)

GOLS: Maxwell 9’/1ºT (0-1) e Yony González 24’/2ºT (1-1)

FLUMINENSE: Rodolfo, Ezequiel (Marcos Calazans intervalo), Léo Santos, Matheus Ferraz e Mascarenhas (Daniel intervalo); Caio Henrique, Dodi (Mateus Gonçalves 20’/2ºT), Ganso e Everaldo; Luciano e Yony Gonzalez. Técnico:Fernando Diniz.

RESENDE: Ranule, Filipi Souza (Dieguinho 36’/2ºT), Rhayne, Lucas Tavares e Jeanderson; Joseph, Léo Silva, Arthur Faria; Vitinho, Zambi (Valdeci 20’/2ºT) e Maxwell (Mateus Totô 27’/2ºT). Técnico: Edson Souza.

Fonte; Lance

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here