Mulher é morta na porta de funerária após ser perseguida no trânsito pelo ex

Foto Rede Sociais

Gilvanda de Paula e Silva, 42 anos, foi perseguida e assassinada pelo ex-companheiro dentro de um carro, na manhã desta quinta-feira (21), quando chegava em um velório. Uma idosa também foi ferida por tiro. O crime aconteceu no estacionamento de uma capela, no Bairro Santa Luzia, em Três Lagoas, a 327 km de Campo Grande.

A vítima seguia para o velório, acompanhada de uma mulher de 76 anos no banco do passageiro do carro, quando percebeu estar sendo perseguida pelo ex-companheiro, identificado como Pedro Henrique Amaral, de 24 anos. Ele chegou a bater o carro no veículo da vítima.

Givanilda continuou o trajeto e quando parou no estacionamento da capela, o ex a abordou, disparando vários vezes. A mulher foi atingida no tórax e abdome. Socorrida, foi levada ao Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, onde não resistiu e morreu. A idosa foi baleada no pé e não corre risco.

Pedro fugiu de carro e, de acordo com o site JP News, se escondeu em uma residência na Rua Manoel Pedro de Campos. Ao perceber a aproximação da polícia, fugiu pulando muros, mas foi capturado pela Polícia Militar. O caso será investigado pela DAM (Delegacia de Atendimento a Mulher) – CREDITO: CAMPO GRANDE NEWS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui