Polícia Civil do Amazonas prende homem condenado a 14 anos de prisão por atos libidinosos contra enteada

Foto: Erlon Rodrigues / PC-AM

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), cumpriu nesta quinta-feira (29/07) mandado de prisão por sentença condenatória em nome de um homem de 39 anos, por cometer atos libidinosos contra sua enteada. O indivíduo se apresentou na Especializada por volta das 11h.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Depca, o crime ocorreu nos anos de 2011, 2012 e 2015, ou seja, desde que a vítima tinha 9 anos de idade.

“Na época do último fato, a adolescente contou para a mãe, e de imediato a denúncia foi formalizada. Ele respondeu o processo em liberdade, porém, no dia 8 de julho deste ano, a juíza Articlina Oliveira, da 2ª Vara Especializada em Crimes contra Dignidade Sexual de Crianças e Adolescentes, expediu o mandado de sentença condenatória pelos crimes de estupro de vulnerável e satisfação de lascívia, já que foi relatado que a menina também era obrigada a assistir a conteúdos pornográficos com o autor”, relata a delegada.

Ainda segundo a autoridade policial, a equipe investigativa da Especializada iniciou as diligências às 6h, desta quinta, no bairro Amazonino Mendes, zona norte de Manaus. Como o procurado não foi localizado, a equipe seguiu para os bairros Aleixo e Tarumã, zonas centro-sul e oeste, respectivamente. Contudo, o homem se dirigiu à Depca por conta própria, e lá se deu o cumprimento ao mandado.

Procedimentos – Após os procedimentos cabíveis na Especializada, o indivíduo será encaminhado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição da Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here