Polícia Civil prende “Sombra” por falsificar documentos e contrair empréstimos utilizando os nomes das vítimas

Indivíduo já possui diversas passagens pela polícia por outros crimes

Foto: Erlon Rodrigues / PC-AM

William Rocha Bezerra, 36, conhecido como “Sombra”, foi preso nesta sexta-feira (15/03) por policiais civis da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Manacapuru (a 68 quilômetros de Manaus), em cumprimento a mandado de prisão por falsificação de documento público. Ele já possui passagens pela polícia por outros crimes.

Conforme o delegado Mauro Soares, da DIP de Manacapuru, os policiais estavam investigando o fato de o indivíduo ter realizado um empréstimo consignado no valor de R$ 140 mil, utilizando uma identidade falsa de um homem de 42 anos.

“No decorrer das investigações, verificamos que o autor já possuía um mandado de prisão preventiva decretado no dia 8 de fevereiro de 2023, pela Vara Criminal da Capital. Desde essa data ele estava foragido da Justiça”, explicou o delegado.

Segundo a autoridade policial, o autor costumava utilizar esses documentos falsificados para abrir conta em agências bancárias e realizar empréstimos.

Com base nessas informações, os policiais iniciaram as buscas e conseguiram localizar e prender “Sombra” na rua 5 de Fevereiro, bairro Betânia, naquele município.

Envolvimento em outros crimes

O delegado acrescenta, ainda, que o infrator possui envolvimento na morte do delegado Oscar Cardoso, ocorrida em março de 2014. Inclusive já foi preso naquele mesmo ano, por alugar o carro usado pelos atiradores que mataram o delegado.

Em agosto de 2021, ele também foi preso pela Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV) por integrar um grupo criminoso responsável pelo roubo e revenda de veículos em Manaus e em outros municípios do estado.

Procedimentos

William Rocha Bezerra responderá por falsificação de documento público, e ficará à disposição da Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui