Kid Mahall vai receber Medalha de Ouro Cidade de Manaus na CMM nesta sexta-feira

A Câmara Municipal de Manaus (CMM) vai homenagear com a “Medalha de Ouro Cidade de Manaus”, a mais alta condecoração concedida pelo Poder Legislativo Municipal a uma personalidade, o jornalista e produtor cultural Kid Mahall, pelos relevantes serviços prestados à sociedade manauara. O Projeto de Decreto Legislativo nº 002/2020, que concede a honraria é uma iniciativa do vereador Gedeão Amorim (MDB), promulgado na última terça-feira (3/3) e aprovado por unanimidade pelos parlamentares da Casa Legislativa. A homenagem ocorre nesta sexta-feira (6/3), às 9h30, no plenário Adriano Jorge da CMM.

Para Gedeão Amorim, a entrega da medalha é um reconhecimento aos serviços prestados pelo produtor cultural à capital do Amazonas. “Kid Mahall é um profissional que tem contribuído com o crescimento cultural da cidade de Manaus, promovendo diversas oportunidades artísticas. Essa homenagem é mais do que justa”, disse o parlamentar.

Sobre o homenageado

Kid Mahall é jornalista, produtor de TV, empresário artístico, radialista, ator, tendo sido o criador dos personagens humorísticos ‘Raimundo e Maria’ que marcaram o horário eleitoral de Manaus.

Começou fazendo cursos com os artistas locais Wagner Mello, Vital Melo e Rosa Eunice e logo em seguida que se apaixonou realmente pela arte de representar resolveu voar mais alto. Teve aulas, então, com as atrizes Neila Tavares e Marina Lores (respectivamente da Rede Globo e Manchete); com Fernando Mauro, professor de arte cênica do Rio de Janeiro e Maria Helena Khruger, pedagoga de teatro infantil de São Paulo.

Participou do filme “Os Trapalhões e a Árvore da Juventude” dirigido por José Alvarenga Júnior, assim como da telenovela Amazônia, escrita por Jorge Duran e Denise Bandeira, levada ao ar em 1991 pela extinta Rede Manchete, na qual encenou ao lado do ator Marcos Palmeira.

Em 2000, surgiu a dupla humorística “Raimundo e Maria” realizando performances na televisão no horário eleitoral de Manaus. Foram destacadas expressões utilizadas no dia a dia do amazonense nos comerciais de TV, entre elas: ‘tu é leso’, ‘nem com nojo’, ‘vô mermo’. Essa massificação do regionalismo manauense transformou atraente e divertida as campanhas eleitorais da época.
Kid Mahall foi diretor por mais de 20 anos do programa mais antigo da televisão amazonense, o “Nosso Encontro”, que era exibido por uma emissora local e apresentado pela jornalista Baby Rizzato.

No Serviço Social do Comércio – SESC, Kid Mahall atuou por 15 anos nas áreas de artes cênicas, recreação, coordenação de eventos, rádio, comunicação e marketing e na coordenação do Festival de Calouros do Sesc Amazonas, que já revelou nomes como Arlindo Junior, Serginho Queiroz, Salomão Rossy e Nely Miranda. Atualmente, Kid Mahall é produtor artístico e cultural do SESIAMAZONAS.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here