Apresentador da Globo que cobrou do presidente do Vasco o uso de máscara e depois foi cobrado ao vivo, está muito mal na UTI com covid-19

Diagnosticado com a Covid-19, o apresentador do Grupo Globo Rodrigo Rodrigues está em coma induzido na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital Unimed Rio, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio. De acordo com o portal  “UOL”, o apresentador teve complicações neste fim de semana.

O estado de saúde do apresentador inspira cuidados. O sobrepeso de Rodrigo já era motivo de preocupação para alguns colegas, já que vinha lhe causando dificuldades de respiração. O narrador do Esporte Interativo André Henning, amigo de Rodrigo, se mostrava aflito com a situação e confirmou ao “UOL” que não consegue contato com Rodrigo há dias.

Na manhã desta segunda-feira (27), o hospital emitiu o seguinte boletim:

O Hospital Unimed-Rio informa que o paciente Rodrigo de Oliveira Rodrigues deu entrada em nossa emergência na noite do último sábado, 25/07/2020, apresentando como sintomas cefaleia, vômitos e desorientação, além de possuir diagnóstico prévio de Covid-19. Após a confirmação de trombose venosa cerebral, foi realizado, neste domingo, 26/07/2020, um procedimento para diminuição da pressão intracraniana. Neste momento, encontra-se sedado e internado na unidade de terapia intensiva.

A Globo divulgou a seguinte nota sobre a internação do apresentador:

“O apresentador Rodrigo Rodrigues está internado no hospital Unimed Barra, no Rio de Janeiro, com todo o apoio e acompanhamento da Globo. Rodrigo teve diagnóstico confirmado de COVID-19 há cerca de 15 dias e estava em casa – afastado do trabalho – desde então. As informações médicas sobre o caso serão fornecidas pelo hospital”.

No dia 21 de maio o presidente do Vasco discuteiu com apresentador: “Por que estão sem máscara?”

O presidente do Vasco, Alexandre Campello, se desentendeu com o apresentador do programa Troca de Passes, do SporTV, na noite de quarta-feira (20). O programa havia comentado a visita do dirigente a Brasília que foi fotografado sem máscara ao lado do presidente Jair Bolsonaro.

Em um primeiro momento, Campello se desculpou por não estar usando o equipamento de proteção e justificou que o hábito é novo e todos ainda estão se acostumando com o uso obrigatório.

No entanto, quase no final da entrevista, o presidente do Vasco questionou os apresentadores. “Não vi vocês de máscara também”, disse Campello, logo após o jornalista Rodrigo Rodrigues destacar alguns protocolos de segurança adotados na TV. O apresentador, então, rebateu: “Mas estamos no estúdio. No telejornalismo, usam máscaras os repórteres de rua”.

Campello insistiu que o protocolo da TV estava equivocado, já que conhecia o estúdio e se tratava de um “ambiente fechado”. A discussão se estendeu até o jornalista Carlos Eduardo Lino mudar de assunto.

No fim do programa, Rodrigo Rodrigues destacou alguns protocolos de segurança que a Globo tem seguido para esclarecer a questão do uso de máscaras.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here