Vasco sofreu e mostrou para torcida que 2019 será mais um ano de luta contra o rebaixamento, mas se classificou para a segunda fase da Copa do Brasil. Nesta quarta-feira, os cruzmaltinos empataram por 2 a 2 com o Juazeirense-BA, no interior baiano.

O Vasco foi melhor no primeiro tempo e foi para o intervalo a frente no placar após gol de Yan Sasse. Só que na etapa final, o Juazeirense melhorou e conseguiu o empate com Balotelli. A partida ficou interrompida por conta de uma queda de luz e após o retorno, os donos da casa viraram com Nino Guerreiro. Quando parecia que os cruzmaltinos seriam eliminados, Maxi López empatou e classificou a equipe.

Na próxima fase, o Vasco espera o vencedor do duelo entre Serra-ES e Remo-PA, que se enfrentam na próxima semana, no Espírito Santo.

O jogo – O Juazeirense quis aproveitar o fator casa e criou a primeira boa chance da partida logo aos quatro minutos. Hugo foi lançado na área e finaliozu para boa defesa de Fernando Miguel.O lance animou os donos da casa, que assustou em seguida, em chute de Patrik.

Os sustos fizeram o Vasco acordar e equilibrar logo o confronto. Tanto que aos nove minutos, Marrony quase marcou para os cariocas. Só que aos 13, os cruzmaltinos abriram o placar. Após bate e rebate, Maxi López tocou para Yan Sasse mandar para a rede.

O gol deu tranquilidade aos vascaínos, que passaram a tocar mais a bola. Com isso, além de ter a posse de bola, impedia o Juazeirense de buscar o empate. No entanto, o jogo caiu em rendimento e ficou muito concentrado entre as intermediárias.

Somente na parte final, o jogo voltou a ficar movimentado. O Vasco quase marcou o segundo aos 39 minutos. Yan Sasse chutou da antrada da área e obrigou Douglas a fazer grande defesa. O Juazeirense respondeu com Balotelli, mas Fernando Miguel estava atento para imoedir o empate. Com isso, os cariocas foram para o intervalo a frente no placar em Juazeiro.

O segundo tempo começou moviemntado. O Vasco teve boa chance de ampliar com LUcas Mineiro, mas o volnate chutou sobre o travessão. O Juazeirense respondeu com Rogerinho, mas Fernando Miguel fez grande defesa. Só que aos cinco minutos, os donos da casa chegaram ao empate. Balotelli fez grande jogada e chutou colocado, sem chance para o goleiro cruzmaltino.

O revés fez os cruzmaltinos buscarem mais o ataque, mas a equipe tinha dificuldade em criar boas jogadas. Aos 16 minutos, a partida foi paralisada por conta de falta de energia e parte dos postes de iluminação do estádio.

Depois de 25 minutos, o jogo recomeçou, com o Vasco ainda em cima do Juazeirense. No entanto, os donos da casa melhoraram e chegaram ao gol aos 32 minutos. Leandro Castán fez pênalti em Balotelli, que Nino Guerreiro cobrou com categoria.

A partir dai, os cruzmaltinos foram com tudo em busca do empate. O Vasco quase marcou em chute cruzado de Yago Pikachu. Só que o nervosismo passou a ser nítido e impedia os visitantes de levar perigo.

Nos minutos finais, o Juazeirense apenas administrava o resultado, mas conseguia manter a posse de bola. Só que aos 45 minutos, Marrony foi derrubado na área por Maicon e o árbitro marcou pênalti. Maxi López cobrou com categoria para empatar para o Vasco e decretar a classificação na Copa do Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here