O ex-integrante do grupo Polegar (sucesso nos anos 1990), Ricardo Costa, usou as redes sociais para pedir ajuda financeira e declarar seu amor pelo apresentador Gugu Liberato ao qual chamou de “amor da minha vida”.

“Estou com ordem de despejo da casa onde moro já decretado pelo juiz. Documentação do food track atrasada impossibilitado de trabalhar estou com água e luz atrasada com aviso de corte”, escreveu o ex-integrante do grupo de sucesso nos anos 90.

Na publicação, Ricardo fala também sobre Gugu. Muitos internautas entenderam que o ex-cantor insinuou que houve um romance entre eles.

“Sabe Augusto conheci você com 16 anos de idade. Muita gente não sabe mais convivi com você, fui o entusiasmo e a motivação entre nossa amizade em 1986 quando nasceu a ideia de montar um grupo musical. Ainda quando era locutor da extinta Radio América. Lembro a primeira vez que conheci você, Augusto, quando eu fazia alguns quadros no seu programa (Eu fazia “O artista mascarado”) e fazia o quadro “Troca troca na TV”, lembro do jantar final de ano no restaurante numa cantina italiana que ainda existe até hoje…”

“Se eu errei peço seu perdão. Não somos perfeitos, mas hoje, aos meus 48 anos de idade, não aguento mais tanta humilhação por não ser compreendido por você, em ter a chance e a oportunidade em ter condições e ser ajudado por mais uma vez por você, meu velho amigo e amor da minha vida”.

Após a repercussão da publicação, Ricardo apagou o trecho que se refere a Gugu como amor de sua vida, mas manteve o restante do texto. 

Ricardo foi preso em junho de 2017 por ter deixado de pagar a pensão alimentícia ao filho de 10 anos, fruto de seu relacionamento com a primeira mulher, Anna Cristina Farina Gatolini. Na ocasião, o músico devia cerca de R$ 13,5 mil em pensão atrasada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here