Exército e Polícia Civil do RJ encontram no Rio mais 2 metralhadoras furtadas em SP

Arsenal de guerra do Exército em Barueri (SP). Foto: Exército Brasileiro ... Leia mais em https://www.cartacapital.com.br/cartaexpressa/21-metralhadoras-do-exercito-sao-furtadas-na-base-militar-em-barueri/. O conteúdo de CartaCapital está protegido pela legislação brasileira sobre direito autoral. Essa defesa é necessária para manter o jornalismo corajoso e transparente de CartaCapital vivo e acessível a todos

O Comando Militar do Sudeste (CMSE) informou nesta quarta-feira (1º) que foram encontradas no Rio de Janeiro mais 2 metralhadoras .50 do arsenal furtado de SP em meados de setembro em Barueri. Ao lado dessas metralhadoras, estava 1 fuzil calibre 7,62 que não tinha sido contabilizado no roubo.

Com a apreensão desta madrugada, 19 das 21 armas levadas foram recuperadas. Outras 2 .50 continuam extraviadas.

Na semana passada, a Polícia Civil do RJ investigava a informação de que ainda havia no estado 2 metralhadoras de Barueri e que 1 fuzil estava sendo vendido. Era a primeira vez que o Exército trabalhava com a hipótese de desvio de fuzis. Anteriormente, só se falava, entre os investigadores, no furto de metralhadoras (as MAGs e as .50).

O CMSE não tinha fornecido detalhes de onde foi feita a apreensão desta quarta e se alguém tinha sido preso até a última atualização desta reportagem. Também não havia sido confirmado se as 3 armas na mira da Polícia Civil são as encontradas desta quarta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui